quinta-feira, dezembro 20, 2007

PLANEJAMENTO ANUAL A INFORMÁTICA EDUCATIVA – 2007




PREFEITURA MUNICIPAL DE MARABÁ
SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO –SEMED
E.E.F.M JONATHAS PONTES ATHIAS



PROFESSORES
CARLOTA MENDES DO A. SOUSA
ELIZÂNIA SOUSA DE ASSUNÇÃO
VAILDES SERTÓRIO DA COSTA
Marabá-janeiro/2007

“Inserir as diversas tecnologias da informação e da comunicação no desenvolvimento do processo ensino-aprendizagem preparando os educandos para a finalidade mais nobre da educação escolar: Que é a definição de referencias éticos, científicos tecnológicos e cidadania que deve acontecer especialmente na interação com elementos desse ambiente e assim construir seu conhecimento”.
Raquel G. Barreto
JUSTIFICATIVA
Estamos vivendo em um mundo de constantes mudanças. Essas mudanças foram aceleradas nos últimos dez anos, principalmente pelos avanços científicos e tecnológicos que, juntamente com as transformações sociais e econômicas, revolucionaram as formas como nos comunicamos, nos relacionamos com as pessoas, com os objetos e com o mundo. Encurtaram-se as distâncias, expandiram-se as fronteiras, o mundo ficou globalizado. As novas tecnologias e mídias estão relacionadas com todas essas transformações. Considerando-se que o indivíduo se desenvolve e interage com o mundo utilizando suas múltiplas capacidades de expressão por meio de variadas linguagens constituídas de signos orais, textuais, gráficos, sonoros, entre outros, as mídias passam a configurar novas maneiras para os indivíduos utilizarem e ampliarem suas possibilidades de aprendizado, constituindo novas interfaces para captarem e interagirem com o mundo. O aumento de interesses pelas novas tecnologias fará com que o professor não se sinta um profissional a margem das demandas renovadoras, sendo motivado a buscar essa parceria na construção do conhecimento onde o aluno é o sujeito da sua própria educação sendo ele estimulado a observar, questionar, refletir, aprimorando sua imaginação e criatividade.
Hoje despontamos para uma educação de diferentes meios de informação como livros, revistas, histórias em quadrinhos, jornais, publicações na Internet, contato por e-mail, software de referência, programas televisivos, rádio, isto pressupõe compreender os elementos constituintes de suas linguagens e códigos e analisar as implicações das mediações que propicia à formação dos sujeitos e ao processo educativo. Um dos elementos importantes neste processo é o desenvolvimento de projetos, pois eles viabilizam a integração das mídias e de conteúdos de diferentes áreas do conhecimento, bem como o trabalho em grupo, que favorece o desenvolvimento de competências, as quais se tornam cada vez mais necessárias na sociedade atual. Nessa forma de aprender contextualizada, aberta para novas relações entre os diversos conceitos, numa situação de grupo em que as interações se intensificam e se comprometem em termos de aprender e ensinar um com o outro, o papel do professor, sem dúvida, precisa ser reconstruído. Pois Na pedagogia de projeto, o aluno aprende no processo de produzir, de levantar dúvidas, de pesquisar e de criar relações, que incentivam novas buscas, descobertas, compreensões e reconstruções de conhecimento. Neste contexto, o papel do professor deixa de ser aquele de ensinar por meio da transmissão de informações - que tem como centro do processo a atuação do professor, para criar situações de aprendizagem cujo foco incide sobre as relações que se estabelecem, cabendo ao professor realizar as mediações necessárias para que o aluno encontre sentido naquilo que está aprendendo. Pode se discutir desde o Projeto Político Pedagógico da Escola, o projeto de sala de aula, o projeto dos alunos, o projeto da escola e outros, no sentido de propiciar aos alunos uma nova forma de aprender a aprender, integrando as diferentes mídias no espaço escolar, com este trabalho valorizando a utilização das novas tecnologias como ferramenta pedagógica.
OBJETIVOS:
· GERAL:
Promover o desenvolvimento e o uso pedagógico das tecnologias de informação e comunicação como ferramenta para alavancar um processo de inovação no ambiente escolar, visando melhorar a qualidade do ensino-aprendizagem, propiciando aos educandos uma educação voltada para o progresso cientifico e tecnológico.
ESPECÍFICOS:
· Utilizar as tecnologias e mídias para reforçar aspectos psicopedagógicos;
· Usar o laboratório de informática como local de desenvolvimento de projetos de interdisciplinaridade;
· Propiciar a informática como recurso didático no processo ensino-aprendizagem;
· Inserir a internet no processo ensino-aprendizagem;
· Valorizar as experiências e vivências proporcionadas pelo ambiente escolar;
· Estimular o desenvolvimento de trabalhos e pesquisas que busquem a criação de novas formas do uso do computador;
· Promover formação dos professores na informática educativa aplicando o conhecimento da mesma;
· Sensibilizar e motivar os educadores e educandos para absorção da tecnologia de informação e comunicação;
· Familiarizar o educando com o computador que está em seu cotidiano.
ESTRATÉGIAS:
Na informática educativa adotamos como estratégias à elaboração dos projetos ou atividades, (chamamos atividades os eventos que duram uma ou três aulas e que são desenvolvidas em dupla ou individual, os trabalhos mais longos resultam em projetos e envolvem toda turma ou a escola). Estes levando em conta sempre à interdisciplinaridade, tornando o computador instrumento importante no processo de ensino-aprendizagem.
Devido ao reduzido número de computadores no laboratório o meio mais viável é que as turmas sejam divididas, para melhor desenvolvimento dos trabalhos (parte da turma fica com professor na sala ou biblioteca e os demais no laboratório alternando a cada aula).
PÚBLICO ALVO:
O Laboratório de Informática funcionará atendendo a todos os níveis da Educação Básica, nos turnos Manhã, Tarde e Noite estando distribuída da seguinte forma: Turno manhã 15 turmas, sendo 6 turmas de 1º ao 5º ano, sete de 6º ao 9º ano e uma turma de Educação Especial; No turno da tarde 15 turmas sendo seis de 1º ao 5º ano e sete de 6º ao 9º ano e uma turma de Educação Especial; No Turno da noite são 14 turmas, sendo 8 Ensino Médio 6 PEJAC (Programa de Educação Jovens e Adultos em Ciclo) atendendo o referido público e seus respectivos professores e ainda prestando atendimento a comunidade externa.
CRONOGRAMA DAS ATIVIDADES


Turno: Manhã
DIAS
TURMAS
HORÁRIO
PROFESSORES
Segunda feira
Educação Especial
1º Ano “A”
8:00 às 9:30
10:00 às 11:30
Iracelma
Natalina
Terça feira
3º Ano “A”
1º Ano “B”
8:00 às 9:30
10:00 às 11:30
Edilene
Francilene
Quarta feira: FORMAÇÂO NO NTE
Quinta feira
Reforço
5º Ano “A”
8:00 às 9:30
10:00 às 11:30
Vaildes
Mª do Rosário
Sexta feira
2º Ano “A”
4º Ano “A”
8:00 às 9:30
10:00 às 11:30
Mª Alves/Concita
Ana Régia
O atendimento será realizado sendo intercalado a cada semana turmas de 1º ao 5º Ano turmas de 6º ao 9º Ano.
CRONOGRAMA DE ATIVIDADES
TURNO: TARDE
DIAS
TURMAS
HORÁRIO
PROFESSORES
Segunda feira
Educação Especial
5º Ano “C”
13:45 ás 15:30
16:00 as 17:30
Iracelma
Vaildes
Terça feira
5º Ano “B”
4º Ano “B”
13:45 ás 15:30
16:00 as 17:30

Edilene
Rosário
Quarta feira: FORMAÇÃO NO NTE
Quinta feira
4º Ano “C”
3º Ano “B”
13:45 ás 15:30
16:00 as 17:30
Ana Régia
Mª Natalina
Sexta feira
Reforço
2º Ano “B”
13:45 ás 15:30
16:00 as 17:30
Elizânia
Francilen
O atendimento será realizado sendo intercalado a cada semana turmas de 1º ao 5º Ano turmas de 6º ao 9º Ano.
AÇÕES A SEREM DESENVOLVIDAS DURANTE O ANO
ENSINO FUNDAMENTAL:
EVENTOS:
AÇÕES E EVENTOS:
· GEP ( grupo de estudos permanentes),
· ARR( aula de reforço e revisão),
· Datas Comemorativas,
· Carnaval,
· Comemoração do dia da mulher,
· Comemoração da páscoa,
· Manhã e tarde literária,
· Comeração do dia das mães,
· Festa junina,
· Capacitação em informica educativa,
· Dia dos pais,
· Amostra folclórica,
· .Gincana das cores,
· Galeria do conhecimento.
· Ensino Médio
· Eventos:
· Festas junina,
· Amostra folclórica,
· Projeto gincana,
· Feira de ciências,
MÍDIAS EXISTENTES NA ESCOLAR

TELEVISÃO

DVD

COMPUTADORES
02 na secretaria 01 na direção 01 na coordenação 01 na biblioteca

VÍDEO CASSETE

APARELHO DE SOM

CAIXA DE SOM AMPLIFICADA

IMPRESSORA

MÁQUINA DIGITAL

MICROFONE

KIT- DVDs

COMPUTADORES DO LABORATÓRIO

Recursos técnicos e / ou humanos: refere-se as pessoas envolvidas nos projetos;
· Recursos físicos: refere-se ao local onde serão executados os projetos;
· Recursos materiais: refere-se aos materiais e/ ou equipamentos na elaboração dos projetos;
· Recursos financeiros: refere se ao custo dos projetos.

AVALIAÇÃO:
A avaliação deve apresentar caráter contínuo das atividades realizadas, tanto para o aluno quanto para o professor, ou seja, voltada para a aprendizagem e para o ensino, relacionando sempre os conteúdos aos objetivos propostos, incluirá procedimentos de auto-avaliação, avaliação das atividades propostas, participação na elaboração e execução dos projetos.

ANEXOS
Sugestão para as turmas desenvolverem seus projetos de aprendizagem:
· Discutir vários assuntos de acordo com o nível de compreensão;
· Definir com eles os assuntos escolhidos;
· Nomear um título e subtítulo.
1-Tema: identificação de um problema
2-certezas provisórias
3-Dúvidas temporárias

4- Metodologias

5- Avaliação
O que estudar.
Escolha da problemática
O que já sabemos sobre o tema.
Registro do conhecimento prévio
Nossas curiosidades?
A partir da problemática
Como saber mais... onde e quando?.
Estabelecimento dos caminhos/ estratégias para a solução das questões.
Registro das produções;
Apresentação dos resultados

Trabalhar com projetos auxilia os educadores desenvolver metodologias de ensino que utilizem as mídias disponíveis de forma adequada e disciplinada, onde os alunos, junto com professores irão aprender a explorar suas próprias idéias ampliando a sua capacidade e desenvolvendo confiança com o uso das novas tecnologias. Entretanto, a construção do conhecimento com a utilização do computador deve ser sempre sobre a orientação do professor regente.

Um comentário:

  1. Parabéns professores pela iniciativa.
    Fico muito feliz em ver uma escola comprometida com o ensino-aprendizado do educando, de qualidade.
    Sou professor em escola pública e conheço de perto o trabalho, o esforço e a dedicação que o profissional tem que assumir diariamente para tocar um projeto de inovação da educação.
    Pretendo implantar um projeto de Informática Educativa em minha escola e gostei muito do plano anual de ensino de vocês. Parabéns, continuem assim... Bom trabalho

    ResponderExcluir

Comentários com conteúdo político partidário ou de baixo calão não serão publicados.